‘É um misto de emoção e ansiedade’, diz cavaleiro que fará a figura do Atalaia na Festa de São Tiago em 2023

0
32

A Festa de São Tiago, que reúne todos os anos milhares de pessoas, entre moradores e turistas em Mazagão Velho, é cercada de personagens históricos. Um dos mais icônicos é a figura do Atalaia. Trata-se de um oficial da tropa cristã que tem grande destaque nas encenações das batalhas entre mouros e cristãos, protagonizando a cena do roubo do estandarte da tropa moura.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DA FESTA DE SÃO TIAGO

Este ano, quem dará vida ao Atalaia será o cavaleiro Antônio Carlos Alves Balieiro, de 31 anos. O nome dele para o papel foi sorteado no dia 15 de agosto do ano passado. Balieiro diz que emoção e nervosismo se misturam para o ponto alto das encenações das batalhas na terça-feira-feira, 25 de julho, Dia de São Tiago.

“A expectativa é grande. É um misto de emoção e ansiedade, nessa espera do grande momento para cumprir essa obrigação. Mas, vamos fazer o possível para garantir uma bela encenação”, ressaltou o cavaleiro.

Antônio Carlos conta que o maior apoio vem da família. E que uma de suas maiores motivações é o filho, o pequeno Vini Junior dos Santos Balieiro, de apenas 5 meses de idade.

Cenas em destaque

Nas encenações das batalhas, no dia 25 de julho, a figura do Atalaia protagoniza dois momentos considerados importantes no teatro a céu aberto. A primeira é o roubo do estandarte da tropa moura, que é arremessada para o aquartelamento cristão.

Em represália, é capturado e morto pelos inimigos. A cena da morte é reproduzida depois de três gritos de “Alerta!” do figurante; segundo o enredo, como forma de intimidar os cristãos, sua cabeça é colocada na ponta de uma lança e exibida como troféu.

A batalha final também tem como estopim o não cumprimento do acordo da troca do corpo do Atalaia pela bandeira moura.

Tradição fomentada pelo Governo do Estado

Este ano, a Festa de São Tiago completa 246 anos de fé e tradição. O investimento do Governo do Estado de R$ 1,2 milhão garantiu a estrutura de palco, cercas de contenção, sonorização, aluguel de cavalos para as encenações, aquisição de material e confecção das indumentárias, incluindo a Festa das Crianças.

Tradição vinda da África ainda no século 18, a Festa de São Tiago retrata a história de um soldado anônimo que lutou ao lado dos cristãos e garantiu a vitória na Guerra Santa contra os mouros. A festividade mistura as cerimônias religiosas com cavalaria e teatro a céu aberto, encenado pelos próprios residentes da cidade histórica, durante os 13 dias ininterruptos de programação, que acontece de 16 a 28 de julho.

Por meio da articulação do Governo do Estado, o tradicional festejo foi incluído no Calendário Nacional de Ministério do Turismo, uma ferramenta on-line que reúne os principais eventos de todo o país.

Notícia retirada do portal do Governo do Amapá.
Link da matéria no portal do Governo do Amapá
Matéria de Gabriel Penha
Fotos de Nayana Magalhães/GEA

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here